Início > Uncategorized > Podcast 4 Gestão de Pessoas Chiavenato: o chamado RH estratégico e os negócios da organização

Podcast 4 Gestão de Pessoas Chiavenato: o chamado RH estratégico e os negócios da organização

Trecho de hoje:

Não se pode imaginar a função do RH sem se conhecer os negócios de uma organização. Cada negócio tem diferentes implicações na ARH. O principal objetivo desta é ajudar a organização a atingir suas metas, objetivos e a realizar sua missão. Isso significa saber empregar as habilidades e capacidades da força de trabalho. A função do ARH é fazer com que as forças das pessoas sejam mais produtivas para beneficiar clientes, parceiros e empregados (Chiavenato, Gestão de Pessoas pg.9)

Olhe este início de frase realmente seria espetacular “não se pode imaginar a função do RH sem se conhecer os negócios de uma organização”. De fato, seria espetacular que em todas as organizações o RH tivesse todas as informações a respeito dos “negócios da organização”. Quando Chiavenato diz negócios ele quer dizer realmente a estratégia e o business das organizações. Mas, isso é mais do que uma miragem corporativa! A maioria dos RHs é ainda considerado como “mero contratante de empregos e distribuidor de benefícios” na esmagadora maioria das organizações.

E quando, quando tem, alguma função de relevância o tem em termos nominais. São pouquíssimas organizações que realmente dão autonomia para RH se posicionar de maneira estratégica. E fora isso ainda o RH enfrenta a resistência dos diversos departamentos de uma empresa onde cada um quer “treinar” e “alinhar” seus funcionários de acordo com os objetivos de produtividade do seu departamento dificilmente olhando para o “todo” como é a função do RH. Quem já trabalhou em alguma organização de porte médio e grande sabe o que são as disputas departamentais. Dentro deste contexto a “missão da empresa” acaba por ser um “quadro bonito” pendurado nos corredores ou na mesa de cada diretor ou presidente.

A realidade é que o RH tem que realmente se posicionar como tal dando formação conceitual para os colaboradores e empregados a respeito do que é a empresa e de como funciona. É preciso que o RH seja o departamento que crie “liga” dentro da corporação. Ele não precisa necessariamente saber ou se esforçar para se alinhar ao “business” da corporação (é bom que ele soubesse e conseguisse se afinar), mas o importante é que ele consolide a organização. O RH precisa deixar a organização pronta para agir! Não precisa saber onde e no que ela vai agir, mas precisa deixar a organização motiva e disposta a enfrentar desafios! E como ela faz isso??? ….rs. Vamos falar sobre isso!

Baixe o áudio aqui: clique aqui
Categorias:Uncategorized
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: